Minha Geladeira Liga Mas Não Gela: O que fazer?

Tempo de leitura: 4 minutos

Vixe, a geladeira não gela… Desperdício de alimentos, aumento do valor da conta de energia e água escorrendo pela geladeira constantemente são algumas das indicações de que o seu refrigerador não está funcionando do jeito que deveria.

Se a sua geladeira está ligada na tomada e apresenta ineficiência da temperatura, alguma coisa está errada. Não é uma tarefa fácil consertar a geladeira por conta própria, porém identificar o problema é o primeiro passo para conseguir repará-la o mais rápido possível.

A geladeira é um dos elementos mais importantes de uma casa. Ela deixa a vida mais prática, mantendo os alimentos conservados e em bom estado.

Existem vários tipos de geladeiras no mercado, das mais simples às mais modernas e complexas, como as frost free, por exemplo. Independentemente do modelo, quando o aparelho apresenta algum problema, o ideal é acionar técnicos especializados, repassando o máximo de informações sobre os problemas que estão acontecendo.

Se a geladeira não gela: como fazer uma rápida avaliação?

Primeiro passo: Conferindo o fio

Algumas questões básicas e fáceis precisam ser checadas antes de acionar um especialista para o reparo do seu refrigerador. Talvez você consiga solucionar o problema ao verificar as condições do fio que liga a geladeira à energia. Então tenha certeza de que:

1. O fio está conectado completamente na tomada, sem que esteja dobrado ou danificado;

2. O fio está ligado diretamente na tomada, sem que seja feito o uso de extensão ou benjamin;

3. A tomada está funcionando normalmente e, portanto, não apresenta problema no fusível ou na caixa de disjuntor – neste caso, teste outro aparelho na mesma tomada;;

4. A corrente e voltagem estão de acordo com seu aparelho. Para esta medição existe um aparelho específico. Caso não saiba usar, chame um eletricista para auxiliar nesta conferência;

5. Depois de ficar um tempo com o fio desconectado da tomada, o problema desapareceu. Deixe a geladeira desplugada da tomada por um tempo e reinicie a placa principal do refrigerador, como fazemos com celulares e computadores, por exemplo.

Segundo passo: Conferindo a geladeira

Após fazer a primeira conferência dos itens apresentados no tópico acima, você precisa checar mais algumas peças do seu refrigerador. Assim como no primeiro momento, estas etapas também são fáceis e não demandam muito do seu tempo. Vamos lá!

1. O botão de temperatura (termostato) pode ter sido movido sem que você tenha percebido. Confira se o marcador está no nível ideal de acordo com o clima e com a quantidade de alimentos e/ou bebida que estão sendo refrigerados.

2. As saídas de ar do refrigerador e do freezer devem ser mantidas livres, ou seja, sem obstrução na passagem do ar. Sendo assim, é importante limpá-las regularmente para garantir o funcionamento perfeito.

3. As borrachas de vedação da porta da sua geladeira devem estar em boas condições. Como abrimos e fechamos a geladeira constantemente, é normal que esta peça se desgaste com facilidade. Confira se elas apresentam rachaduras ou estão rígidas: estas duas características indicam a necessidade de trocar a borracha. Teste, também, colocar uma folha de papel entre a geladeira e a borracha, puxe o papel e sinta uma leve tensão ao puxá-lo. Caso o papel saia com facilidade, sem tensão, a borracha deve ser trocada. Faça esse teste por todas as partes da borracha de vedação.

4. O gás da geladeira pode estar vazando, impedindo a refrigeração. Caso isso esteja acontecendo, você conseguirá sentir o cheiro. O gás da geladeira não é consumido: ele faz parte de um sistema e se mantém comprimido, ou seja, não é dissipado naturalmente. Portanto, caso sinta cheiro de gás, mantenha as janelas abertas e chame um técnico.

👉 Encontre aqui no Sr. Lupa o Técnico Ideal para consertar sua geladeira

Você também precisa saber que…

1. O freezer é responsável pelo resfriamento de toda a geladeira, portanto se ele estiver com algum problema o funcionamento da sua geladeira também vai ser afetado.

2. A temperatura ideal para manter sua geladeira resfriada e os alimentos sempre frescos pode variar de -1° a 3° graus. Já do freezer deve variar de -12° à -18°.

3. Fatores como temperatura externa, quantidade de alimentos e frequência da abertura da porta da geladeira devem ser levados em consideração quando for escolher a temperatura do refrigerador.

4. É importante manter as borrachas novas e as saídas de ar limpas, pois isso também ajuda na economia de energia. Caso contrário, a geladeira estará condicionada a trabalhar mais para manter o ar frio, já que a borracha em mau estado ou o entupimento das saídas de ar impedem o funcionamento normal.

Então, você percebeu alguma destas situações na sua geladeira?

Encontre um profissional perto da sua casa através do Sr. Lupa e deixe a sua geladeira nova em folha!

Curta e Compartilhe:
Facebook Comments